Tag Archive Bate-Seba

Jezabel

Desmascarando o espírito de Jezabel

Eu conheço as tuas obras, e o teu amor… e sei que você esta fazendo mais agora do que no principio. No entanto contra você tenho isto: Você tolera Jezabel, aquela mulher que se diz profetiza. Com os seus ensinos, ela induz os meus servos a imoralidade sexual, e a comerem alimentos sacrificados aos ídolos”.  Apocalipse 2:19-20.

Ao Longo da história do cristianismo vozes foram silenciadas pela ação deste espírito.

Constantes ataques, também me fizeram para no transcorrer dos meus anos de cristão, mas no dia em que descobrir como age este espírito, fechei a porta para ele. 

Somos uma família, a família do altíssimo Deus. Somos um corpo formado por vários membros, portanto, fazendo parte deste corpo, é meu dever trazer ao conhecimento  as ações deste espírito no curso dos séculos.

Historicamente, em todo lugar que estas vozes proféticas tenham se levantado apontando o caminho que nos leva até a salvação…   O inimigo tem levantado este espírito com as suas imitações para confundir o povo.

Usarei uma de uma metáfora entre “o espírito de Jezabel e uma árvore”  tendo seu inicio com as suas raízes, depois um tronco com sua copa frondosa, e por fim as suas sementes que se espalharam.

Passemos a analisar a história bíblica desde Davi até Ap. 2.

Davi e Bate-Seba

Em II Samuel 11, encontraremos o que chamo de: “Raiz de Jezabel”. O rei Davi havia enviado seus homens para a guerra a destruir os amonitas e sitiar a cidade de Rabá. Esta guerra durou aproximadamente Um Ano. Quando Em uma tarde ensolarada, com muitas flores e um ar convidativo ao descanso e a  meditação, o rei acorda, sobe para o terraço para contemplar a beleza dos seus jardins, suas flores e por fim a natureza. Mas em meio a sua meditação, enxerga  algo que li chama à atenção. Uma mulher estava a tomar banho bem diante dos olhos do rei, “Eu acredito, que aquela mulher, já havia provocado os sentidos do rei anteriormente, pois não era natural o rei mandar seus homens para a guerra e ele ficar em seu palácio” Digamos que Davi estava no lugar certo e na hora certa.

Era uma mulher muito linda, diz a história! O rei procura saber  quem era aquela mulher, imediatamente trouxeram-lhe a resposta: É a filha do seu oficial Eliã e Mulher de Urias o outro oficial que esta na guerra sob comando de Joabe.

A partir deste momento, Davi recebe a influencia de um espírito maligno, o que futuramente se chamaria; “espírito de Jezabel”.

Este espírito seu maior desejo é subordinar os outros, é ser autoritário e ter autoridade.

Sem forças para resisti a atração física por aquela mulher, Davi “Abusa da sua Autoridade” manda chamar aquela mulher para que venha ao seu palácio. É o sonho de muitas mulheres, sair com um homem que possa dar-lhe todo luxo! Esta é a mulher que ama este mundo e não uma pátria futura.

Já no palácio, os dois cometem fornicação, depois o rei manda que ela vá para sua casa, como se nada tivesse acontecido. Talvez, tenham dito um para o outro, “Isto é segredo nosso” ou quem sabe, “Você deve ficar calada” este último, se Bate-Seba foi forçada.

Passou-se os dias…   

Bate-Seba manda avisar a Davi que ela esta grávida, “Ufa! Que susto Davi deve ter tomado!”.

 Imediatamente, manda ordens que Joabe envie Urias até ele. Ao chegar oi interrogado como estava se passando a guerra, como estava Joabe, e as noticias que ele trazia eram boas! Davi então manda que Urias vá para sua casa descansar um pouco.

 Que Cínico, foi o rei! Tramava que o menino fosse bastardo!

No Capítulo 11 – Urias inocentemente agiu como um verdadeiro guerreiro, um patriota, um zeloso pelo rei. Demonstrou compaixão com seus irmão e amigos que ficaram na dura batalha. O que vendo Davi a determinação deste homem, resolveu tirar-lhe a vida.

Prepara uma carta e envia pelas próprias mãos da vitima para ser entregue a  Joabe no campo. Ao sair da presença do rei, ele não abriu a carta para ver o que estava escrito, até nisto, demonstrou fidelidade. Ao ser entregue ao destinatário, tudo se deu conforme o mandato do rei. Então, MORREU URIAS.

Esta Carta de Davi entregue a Urias tem  semelhança com nossos dias hoje. O Nosso coração “a envelope” recebe as mensagens dos profetas, ¿mas será que esta mensagem é vinda de Deus verdadeiramente? Será que não esta sendo algo destrutivo para nossas vidas? É muito importante, consultarmos tudo que ouvimos e recebemos a luz da Bíblia assim como faziam os Bereanos com o evangelho de Paulo Atos 17:11.

No Capítulo 12 – O Senhor enviou o profeta Natã a repreender Davi.

No Versículo 13 – Davi demonstra-se arrependido.

Passado o Luto, Davi faz de Bate-Seba sua mulher. O primeiro filho o Senhor não deixou viver, mas o segundo filho de Davi e Bate-Seba chamou-se SALOMÃO (Lugar do Senhor). O Profeta Natã o chamou de JEDIDIAS (Amado do Senhor), II Sam. 7:12.

As Imprudências de Salomão

Salomão dá inicio ao seu reinado já de forma errada, Casa-se com a filha de Faraó do Egito, uma pratica reprovada pelo Senhor na Lei de Moisés em Deuteronômio 7:1-7. É o Filho influenciado pelo mesmo espírito que perseguiu Davi, só que agora já bem enraizado, já criando o seu tronco, estava dando suas primeiras folhas.

 Os fruto destes casamentos fez com que Salomão antes do seu fim, adorasse aos deuses das nações vizinhas, os deuses das suas mulheres. Salomão adorou a:  Camos, o deus de Moabe, a Moloque, o deus dos Amonitas e a todos os deuses das suas mulheres. Salomão casou-se com 700 mulheres e 300 concubinas. I Reis 11:1-13.

Estas práticas de adoração a vários deuses, fez com que o Senhor retirasse as benção das gerações de Salomão. Foi prometido que seria retirado o seu reino, ficaria só uma tribo por amor a Davi.

Salomão morre…

Neste ponto em nossa simbologia, este espírito já esta semelhante uma grande Árvore.

 Seu filho Roboão assumi o trono. O povo israelita clama que Roboão retire o fardo que seu pai havia  imposto sobre a nação. Este por sua parte, consulta os velhos, recebe bons conselhos de como governar, eles dizem;

De ouvido a voz do povo, pois se você agi assim com eles hoje, sempre estarão ao seu lado”.

Mas, ele resolve consultar os jovens que se criaram ao lodo dele. Os jovens lhes dão um mal conselho;

Diga ao povo que o seu dedo mínimo é mais grosso do que a cintura do meu pai” 1 Reis 12:1-24.

Roboão filho de Salomão foi que dividiu as tribos; Israel/Judá.

As 10 tribos ficou com Jeroboão um homem que foi encarregado dos impostos do rei Salomão e havia fugido para não ser preso, por causa da profecia do profeta Aias. 1 Reis 11:26-29.

Daqui até Acabe, teve 7 Reis em Israel e 5 Em Judá. A história levou aproximadamente 85 Anos.

Agora Acabe filho de Onri passa a reina. 1 Reis 16:29. Fez tudo que é mal perante os olhos do Senhor, se iguala a Jeroboão. Como se fosse Pouco, Acabe casa-se com Jezabel.

Jezabel era filha de um homem chamado Etbaal. Este era rei dos Sindonios, ele tinha assassinado Feles rei de Tiro para apoderar-se do trono.

A família de Jezabel era sanguinária por natureza.

Nesta mesma época, o profeta de Israel era Elias um homem natural da Cidade de  Tisbe território de Gileade.

A vida do profeta Elias, girou em torno do conflito entre a Religião do Senhor e a Religião de Baal.

A missão do profeta Elias era fazer o povo reconhecer sua apostasia.

Vejamos que o Senhor pede que Elias avise a Acabe, que nos próximos 3 anos não choveria (devido a incredulidade).

Depois fala para Elias; Sai-te daqui e vai para o Oriente e fica a beiro do ribeiro de Querite para que tomes da água do rio, e eu já tenho ordenado aos corvos que providencie pão e carne para você. 1 Reis 17:1-5.

Passou o tempo e o ribeiro secou. Elias pergunta: E agora Senhor, o que vou fazer?

O Senhor  manda que ele vá para Sarepta pois tem ordenado a uma viúva que lhe de sustento. Versc. 8.

Depois de longo tempo, o Senhor manda que Elias vá apresenta-se a Acabe e diga que enviarei chuva sobre a terra. Cap. 18.

Acabe ainda pergunta; É tu o perturbador de Israel?  Versc. 17.

 Elias convoca os 450 profetas de Baal (deus de Acabe) e os 400 de Astarote (deusa de Jezabel).

(Baal era o deus sol, o deus da produtividade – já Astarote era simbolizada como a Lua, a deusa da fertilidade e do amor).

O Povo chega onde esta Elias (Monte Carmelo) e ele lhes pergunta;  Até quando coxeareis entre dois pensamentos? .

 Se o Senhor é Deus, sigam-no, mas se Baal é deus que vão atrás dele. Versículo 21.

 No Versículo 24 ele propõe:  Então invocai o nome do vosso Deus e eu invocarei o nome do Senhor, e há de ser que o Deus que responder com fogo, esse será Deus.  Então o povo disseram; É boa esta palavra.

Não houve resposta aos clamores do povo! O versículo 30 nos informa que já passava do meio dia, e nada.

Mas, após as ofertas dos manjares, Elias disse a todo o povo; Chegai-vos a mim.

E Elias restaurou, reedificou o altar que estava quebrado…

Quando alguém da as costas,abandona as leis do Senhor é preciso que lhe convoquemos a restaurar o altar do Senhor na vida deste individuo. Um altar fora de comunhão não pega fogo!

Após a manifestação de poder com fogo que consumiu o altar, Elias mata os profetas de Baal e Astarote.

Jezabel fica uma “arara de raiva”

Elias foge para o monte Horebe. O Senhor chega e pergunta; Que fazes aqui Elias?  Ele responde; Tenho sido zeloso pelo Senhor e Jezabel matou todos os profetas, só restando a mim. 1 Reis 19:8-18.                

Quando o Senhor mandou Elias ir para o deserto de Damasco, foi para ungir 3 Homens…

Um deles foi Jeú filho de Ninsi, que recebeu a unção como rei de Israel. O outro foi Hazael rei da Síria e Eliseu filho de Safate, sucessor de Elias.

Quando Jeú assumiu o trono, II Reis 9:6-10 o Espírito do Senhor apossou-se dele, e logo saiu para destruir a casa de Acabe.

Chega em Jezreel encontra Jezabel (em carne e osso) na janela do seu quarto toda pintada, cabelo arrumado, cheia de enfeites toda vaidosa. A espera de Jeú como que para persuadi-lo.

Jeú sem perca de tempo, olha para os homens que estavam com ela e pergunta: Quem de vocês esta do meu lado? 2 ou 3 olham para ele, Jeú lhes ordena, Joguem Jezabel janela a baixo…

Diz a Bíblia que o sangue de Jezabel se espalhou pelas paredes e pelos cavalos de Jeú.

Deixam-na lá do jeito que estava e foram pegar uma refeição. Neste meio de tempo, o rei manda que seus homens vão enterrar Jezabel, só que quando chegam ao local que ficara o corpo…

Só encontraram as mãos e o crânio. Os cachorros tinham comido o seu corpo. Cumpriu-se a palavra do Senhor pela boca do profeta Elias em  I Reis 21:23-24 e II Reis 9:36 e 37.

Aqui Morreu a Árvore e Nasci o titulo;

Espírito de Jezabel”.

 É a mesma pomba-gira da macumbaria, só que este nome pomba-gira não se encontra na Bíblia.

A Ação deste espírito não termina com a morte de Jezabel, pois ela deixa suas sementes espalhadas por todo o mundo até os dias de hoje.

 Na Nova Aliança

Depois de muitas décadas…  Nasci o Messias, o Salvador, o Rei e Senhor Jesus Cristo.

Também nasci a primeira Semente (do fruto de Jezabel).

Dentro dos dias de Jesus, Herodes Antipas era o Governador da Galiléia. E Herodias era neta de Herodes o Grande e mulher de Filipe.  Teve um caso amoroso com Herodes Antipas, e João (primo de Jesus) havia chamado a atenção de Herodes que ele não podia ficar com a mulher do seu irmão, e com isto foi preso. Do casamento entre Herodias e Filipe, tiveram uma filha por Nome Salomé. Antipas já estava de olho na subinha.

No aniversário de Herodes Antipas, Herodias manda que Salomé faça uma dança sensual perante o rei,  e quando ele oferecer algo para ela, ela pedisse a cabeça de João Batista. E Assim Foi Decapitado João Batista.  Mateus 14:1-12.

É a primeira ação (árvore) que encontramos no Novo testamento.

Em Apocalipse 2:20-28,  O Apostolo João (Evangelista), estando na Ilha de Patmos, recebe ordem que escreva tudo que vê e envie cada carta a sua igreja. E uma das Igrejas foi a de Tiatira (Uma Cidade da Ásia menor) esta carta nós já lemos no início, e através dela, aprendemos que:

Pessoas influenciadas por este espírito, não seguirão os Pastores que buscam andar mediante a luz da palavra de Deus. Mas, buscarão algum método para introduzir suas idéias e heresias no meio do povo e até mesmo convencer os lideres a facilitação do evangelho. II Timóteo 4:3-4.

Ele profana tudo o que toca. As pessoas começam a abandonar a Igreja, sem nem saber por quê. Os pastores sentem-se sem forças e sem direção, o seu ministério começa a perder grupos de oração, membresia, e por fim passa a aceitar toda a e qualquer doutrina morna, sem respaldo bíblico.   

É preciso saber também que, este espírito não influencia somente uma pessoa ou um grupo. Ele tem se infiltrado nos meios político, Sociais, escolas e faculdades.

Não podemos dá brecha nem ficar desapercebido com os truques do espírito de Jezabel, pois ele tem agido de forma violenta, tem levado a sociedade ao caos, a deterioração dos padrões moreis. Tem levado milhões a fazerem uso contrario da natureza humana, assim como o apostolo Paulo deixou minuciosamente explicado aos Romanos: 

Dizendo-se sábios, tornam-se loucos e trocaram a glória do Deus imortal por imagens feitas segundo a semelhança do homem mortal…”. bem como de pássaros, quadrúpedes e répteis. Por isso Deus os entregou à impureza sexual, segundo os desejos pecaminosos do seu coração, para a degradação do seu corpo entre si. Trocaram a verdade de Deus pela Mentira, e adoraram e serviram a coisas e seres criados, em lugar do Criador, que é bendito para sempre. Amem. Por causa disso Deus os entregou  a paixões vergonhosas. Até suas mulheres trocaram suas relações sexuais naturais por outras, contrárias a natureza. Da mesma forma, os homens também abandonaram as relações naturais com as mulheres e se inflamaram de paixão uns pelos outros. Começaram a cometer atos indecentes, homem com homem,  e receberam em si mesmo o castigo merecido pela sua perversão”. Romanos 1:22-27. NVI.

Confessando Os Pecados.

Não importa qual seja o espírito que a esteja oprimindo, cada pessoa deve recusar ficar se defendendo e justificando se comportamento. Deve sim, sondar seu coração e se arrepender, abandonando os pecados.

Deve confessar seus pecados ao Senhor, e Ele promete perdoar e purificar. 1 Jo. 1:9.

 

Meditação: 22/04/2006

 “Desmascarando o espírito de Jezabel”

John Paul.

Edição: Maio/2006.

Agnaldo Santana.

 

 

Tags, ,