Atos e suas correlações ao nome Silas

paulo-e-silas

Atos e suas correlações ao nome Silas

Homilia :
(Um brevê da história)

Uma Introdução aos Atos dos Apóstolos.

Os livros de Atos e de Lucas, pertencem a mesma obra literária, sendo que, Lucas é o primeiro volume e Atos o segundo. Ambos são conhecidos como: “Histórias das origens Cristãs”. Sabemos que seu autor foi Lucas e o livro de Atos teve seu término por volta do ano 70d.e.C e um homem por nome Irineu foi o primeiro a utilizar este titulo, “Atos dos Apóstolos” por volta de 190 d.e.C. O livro recebeu este nome, porque segui a mesma ideia das literaturas Helenística tais como; Atos de Aníbal e Atos de Alexandre. A literatura helenística compreende o período da idade média a partir das conquistas de Alexandre Magno ( por volta do ano 330 ª.d.C quando a Grécia e muitos dos reinos Helenístico tornaram-se em província Romana. O livro de Atos e o livro de Lucas estão unidos pelo prólogo e por sua similaridade. Lucas 1:1-4 e Atos 1:1. Os doze primeiros capítulos de Atos nos mostram a vida da primeira comunidade cristã estando reunida ao redor do Apóstolo Pedro, isso depois da ascensão de Cristo. Nos Demais, falam da vida de Paulo pós-convertido… Cap. 13… Primeira viagem Paulina com seu “companheiro” Barnabé. Cap. 15… Concílio e Segunda viagem missionária de Paulo. Estando Paulo e Barnabé na cidade de Antioquia reunidos com a igreja local, vieram alguns homens da Judeia para Antioquia e passaram ensinar aos irmãos já convertidos “Se vocês não forem circuncidados conforme a lei de Moisés, não serão salvos”. Isto indignou a Paulo e Barnabé ao ponto de contenderem com eles. A igreja solicita que Os apóstolos vá até Jerusalém tratar deste assunto. Depois de muita discussão e entendimentos, fizeram uma carta para os gentios (de Antioquia) escolheram mais dois entre eles para ajudarem a Paulo e Barnabé na missão… Conferir, Atos 15:22-23… AQUI ENTRA PARA A HISTÓRIA O NOME “SILAS”. Lucas ao escrever o livro de Atos, lhe chama por seu nome semita, “SILAS”. Já os Apóstolos Paulo e Pedro, o chamam por seu cognome latino, “SILVANO”. Na Versão NVI, o Nome Silas aparece em Atos 18 vezes. Vamos a elas: Atos 15 (5 vezes) Versículos, 22, 27, 32, 34 e 40. Atos 16 (7 vezes) Versículos… 16, 22, 25, 29, 36, 38 e 40. Atos 17 (5 vezes) Nos versículos… 4, 5, 10, 14 e 15. Atos 18 (1 vez) Versículo 5. Já o nome “SILVANO” aparece quatro vezes no Novo Testamento. II Corintios 1:19 I Tessalonicenses 1:1 II Tessalonicenses 1:1 I Pedro 5;12. Silas e Silvano, não mais são encontrados em nenhuma parte da Bíblia estes nomes. Assim com Paulo, este membro da Igreja em Jerusalém foi um dos poucos judeus Cristãos no Oriente que possuíam a “valiosa” cidadania romana (Atos 16:38). Estamos falando de um homem que demonstrou uma boa educação grega, e que pertenceu a alta sociedade. Um membro de grande estima na igreja de Jerusalém, tanto por sua dedicação ao evangelho, como por seu preparo espiritual e vantagem em ter cidadania romana. A chave para que determinava aos presbíteros, apóstolos e a igreja de Jerusalém escolher um membro para a obra missionária era sempre; “TER ÓTIMAS QUALIDADES PARA UM LÍDER”, (Atos 15:22b). Um líder quem determina é Deus… (Atos 7:35b), II (Timóteo 2:4… “Ao servo do Senhor não convém brigar mas, sim, ser amável para com todos e apto para ensinar” – UM BOM LÍDER). As vezes, o agrupamento ou convivência de bons líderes causam desentendimentos! Foi o que aconteceu com Paulo e Barnabé, (Atos 15:36-40), ver texto. Paulo e Silas sempre se demonstraram amorosos e dedicados ao ministério. Eles sempre estavam bem humorados mesmo na prisão, lá estavam louvando ao Senhor e empenhados pela conversão dos gentios. Em Antioquia, Silvano foi um “PROFETA” que serviu de encorajamento e fortalecimento grandemente para aquela igreja (Cf. I Corintios 14:1). Paulo e Silas foram açoitados e colocados na prisão por acusações falsas, este foi um dos momentos de demonstração do poder de Deus e aprovação para com o que eles faziam, (Atos 16:22-37). Silas ou Silvano, acompanhou Paulo de Jerusalém a Antioquia, de Antioquia a Síria, Cicília, Derbe, Listra.. Macedônia, Tessalônica e Corinto etc. A última Menção ao seu nome, podemos encontrar na carta de I Pedro, onde ele testifica sobre a epístola dizendo; “Esta é a verdadeira graça de Deus”. O Ministério de Silvano foi único, no sentido de que não somente foi LIDER na igreja em Jerusalém, mas também um missionário transcultural juntamente com o Apostolo Paulo.

  • Pastor Agnaldo Silva;
  • Comunidade Messiânica Yeshua
  • Ministério Espírito de Vida

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *